PatoBranco.com

Sorteio da Libertadores-2017 complica caminhos de Botafogo e Flamengo

Publicado em: 22/12/2016 05:21

Nesta quarta-feira (21), a Conmebol definiu por meio de sorteio os enfrentamentos entre clubes na Libertadores de 2017. Com calendário renovado, o torneio começará em 23 de janeiro, na primeira fase preliminar, e terminará somente em 29 de novembro, quando acontecerá o segundo jogo da final.

Entre os oito brasileiros participantes, quem terá caminho aparentemente mais complicado será o Botafogo. Participante da primeira fase da competição, enfrentará de saída o tradicional Colo Colo, do Chile.

Caso saia vencedor, terá como adversário o tricampeão Olímpia, do Paraguai, o atual vice-campeão, Independiente del Valle, do Equador, ou o mais modesto Deportivo Municipal, do Peru. Tendo superado duas etapas duras, cairá em chave com Atlético Nacional, da Colômbia, Estudiantes, da Argentina, e Barcelona, do Equador.

Com horizonte um pouco menos complicado aparece o Flamengo, que, iniciando sua participação na fase de grupos, terá como concorrentes San Lorenzo, Universidad Católica (CHI) e uma equipe que se classificar de fase prévia.

Esse time, possivelmente, será o Atlético-PR, que enfrentará em sua estreia o Millonarios (COL). Em caso de classificação, terá pela frente Universitário (PER), Deportivo Capiatá (PAR) ou Deportivo Táchira (VEN).

Os demais times do Brasil farão parte de grupos com níveis intermediários de dificuldade, nos quais ocupam posições de favoritismo, especialmente nos casos de Grêmio, Palmeiras, Atlético-MG e Santos.

Devido à indefinição quanto ao seu elenco para 2017 dada a tragédia em Medellín na qual perdeu quase todos os seus profissionais, não é possível fazer uma comparação acurada da Chapecoense em relação a seus rivais na fase de grupos, que serão o Nacional (URU), tricampeão da Libertadores, o Lanús (ARG) e Zuliá (VEN).

"A Libertadores é difícil por si só. O Nacional é um time de muita força, com uma equipe muito competitiva, assim como o Lanús. Só o Zuliá é uma equipe que não temos tanto conhecimento. A logística da viagem também torna o adversário difícil", disse Vagner Mancini, novo técnico da Chapecoense.

Campeão brasileiro, o Palmeiras enfrentará o fraco Jorge Wilstermann (BOL), o histórico porém enfraquecido Peñarol (URU) e a equipe que conseguir classificação entre Carabobo (VEN), Barranquilla (COL), Atlético Tucumán (ARG) e Nacional (EQU).

Dos brasileiros, é possível dizer que o Palmeiras teve sorte e pegou um dos grupos de nível técnico mais fraco, assim como o Grêmio, campeão da Copa do Brasil, que rivalizará com Guaraní (PAR), Zamora (VEN), e Deportivo Iquique (CHI), ou seja, rivais sem conquistas prévias em torneios continentais.

"Libertadores é sempre muito difícil. Vamos pegar uma escola boliviana, outra uruguaia. No ano passado tivemos dificuldades no Uruguai. O Palmeiras aprendeu um pouco com a experiência", disse Alexandre Mattos, diretor de futebol do Palmeiras.

Vice-campeão brasileiro, o Santos também não deve ter maiores dificuldades em passar às oitavas de final.

Independiente Santa Fé (COL) e Sporting Cristal (PER) são seus adversários já sorteados, aos quais podem se juntar Unión Española (CHI), Cerro (URU), The Strongest (BOL), Universitario (PER) ou Wanderers (URU).

GRUPOS

Os grupos assim ficaram definidos:

GRUPO 1 - Atlético Nacional (Col), Estudiantes (Arg), Barcelona (Equ), Ganhador 2

GRUPO 2 - Santos, Ind. Santa Fé (Col), Sporting Cristal (Peru), Ganhador 3

GRUPO 3 - River Plate(Arg), Emelec, Ind. Medellín (Col), Melgar (Peru)

GRUPO 4 - San Lorenzo (Arg), U. Católica (Chi), FLamengo, Ganhador 1

GRUPO 5 - Peñarol (Uru), Palmeiras, J. Wilstermann (Bol), Ganhador 4

GRUPO 6 - Atlético-MG, Libertad (Par), Godoy Cruz (Arg), Sport Boys (Bol)

GRUPO 7 - Nacional (Uru), Chapecoense, Lanús (Arg), Zulia (Ven)

GRUPO 8 - Grêmio, Guaraní (Par), Zamora (Ven), Deportivo Iquique (Chi)


CHAPECOENSE

Além de definir os grupos e cruzamentos da edição de 2017 da Libertadores, a Conmebol também prestou tributo à Chapecoense.

Foram exibidos os rostos de todos os jogadores mortos na queda do avião em 29 de novembro e imagens das equipe na Sul-Americana.

O novo presidente do clube catarinense, Plínio David de Nês Filho, recebeu o troféu de campeão do torneio continental.

A Chapecoense foi agraciada com a conquista a pedido do Atlético Nacional, da Colômbia, seu rival na final.

Fonte: Folha de S.Paulo
Foto: Jorge Adorno - REUTERS

Foto

Notícias Relacionadas