PatoBranco.com

Paraná puxa a alta de circulação de carros em rodovias de todo o País

Publicado em: 11/10/2017 06:38

O Paraná voltou a puxar para cima as estatísticas de circulação de veículos em rodovias. Segundo a Associação Brasileira de Concessionárias de Rodovias (ABCR), no mês de setembro houve um aumento de 3,3% no número de veículos leves que utilizaram rodovias pedagiadas no Estado em relação a agosto.

O total de veículos pesados cresceu 0,5%, o que pode indicar uma trajetória moderada de recuperação da economia e um aumento na produção industrial. O dados do Paraná são superiores nos últimos 12 meses e no acumulado do ano.

Em todos os Estados analisados pela ABCR, no mês de setembro a circulação de veículos leves também teve crescimento médio de 3,3%, e a de veículos pesados, de 0,7%.

O crescimento geral foi de 2,2% na comparação com agosto. Em relação a setembro do ano passado, o aumento foi de 7,2% na circualção de veículo leves e de 4,3% na de veículos pesados.

O acumulado entre janeiro e setembro é de 1,9% mais veículos leves nas rodovias pedagias; não houve crescimento no número de veículos pesados trafegando nas rodovias no período, em comparação com os nove primeiros meses de 2016.

Entre os quatro Estados, o Paraná é o que apresentou o maior crescimento, o que indica que a cada dias mais veículos vêm circulando pelas rodovias pedagiadas no Estado.

Quando comparado com setembro do ano passado, setembro deste ano teve 9,9% veículos leves a mais nas estradas e o número de veículos pesados cresceu 9,2%.

Os números são muito superiores aos verificados em São Paulo (crescimento de 8% no número de veículos leves e de 3,6% na quantidade de veículos leves) e no Rio de Janeiro (2,3% mais veículos leves e queda de 0,1% no número de veículos pesados).

O crescimento do Paraná também foi é o maior no ano - 4,4% mais veículos leves entre janeiro e setembro, e 2,8% mais veículos pesados. São Paulo teve crescimento de 2,1% e queda de 0,5%, respectivamente; no Rio de Janeiro, houve quedas de 1,2% e de 5%.

Nos últimos 12 meses, as rodovias pedagiadas do Paraná tiveram aumentos de 3,2% (leves) e de 0,4% (pesados). O Rio teve quedas de 1,4% e de 6,4%; em São Paulo, em um ano cresceu timidamente a circulação de veículos leves (0,8%) e caiu a de pesados (2,3% negativos).

Em junho, as estradas do Paraná já haviam registrado um aumento de 2,3% no fluxo de veículos na comparação com maio, descontados os efeitos sazonais. O Estado liderou a expansão do índice ABCR total, que cresceu 1,5% no mesmo levantamento.

O Índice ABCR é feito pela Associação das Concessionárias de Rodovias (ABCR) e pela Tendências Consultoria Integrada.

Fonte: Bem Paraná
Foto: Franklin de Freitas

Foto

Notícias Relacionadas