PatoBranco.com

Responsáveis pela morte de pai e filho durante fuga, foram condenados em Francisco Beltrão

Publicado em: 02/02/2018 10:22

O júri que começou na manhã de ontem, quinta-feira 01, na Comarca de Francisco Beltrão, contou com a presença de familiares de Dirceu Assis Lunelli, 45 anos e seu filho Gustavo Henrique Lunelli, 14 anos. Durante todo o julgamento portavam camisetas e fotos das vítimas, e exigiam justiça.

E ela veio na forma de um veredito firme dos jurados que consideraram Alan Junior Hunning e Everton Delina Quitiliano culpados.

A Juíza, Dra. Janaína Monique Zanelatto Albino, que presidiu o julgamento, leu a sentença as três horas da madrugada desta sexta-feira 02, condenando cada um dos réus a uma pena de 32 anos de reclusão em regime inicial fechado, e Eduardo de Almeida Nati, réu ausente foi condenado a 14 anos de prisão também com regime inicial fechado.

O Ministério Público atuou através dos Promotores de Justiça Roberto Tonon Junior e Silvia Skaetta Nunes. Os advogados de defesa dos réus informaram que vão recorrer.

RELEMBRANDO O TRÁGICO EPISÓDIO

A colisão que vitimou pai e filho aconteceu em abril de 2016 quando a polícia acompanhava o veículo que havia sido roubado após um assalto em Dois Vizinhos.

Na fuga, já em Francisco Beltrão, os criminosos acabaram batendo na Moto Biz em que estavam Dirceu e seu filho Gustavo.

Os dois morreram.

Fonte: Redação PatoBranco.com com informações de Betto Rossatti - TV Sudoeste
Foto: Alan Particelli (Rede Massa)

Foto

Notícias Relacionadas