PatoBranco.com

Fobia Social: como detectar e lidar com esse problema

Publicado em: 08/02/2018 08:55

Vivemos preocupamos com as tarefas e os compromissos do dia a dia. Vamos lidando com as situações sociais e com os desafios da convivência do jeito que sabemos e conseguimos. Acontece que nem sempre conseguimos e sabemos lidar com determinadas situações, pois nem sempre nos sentimos confortáveis em meio à outras pessoas.

Devido à nossa inabilidade ou dificuldade de lidar com as diferenças, divergências e conflitos decorrentes da convivência com outras pessoas, surgem os problemas psicológicos e as fobias psíquicas. Uma destas fobias é denominada Fobia Social, Antropofobia ou, se preferir simplesmente: "medo de gente".

Para entender melhor isso, vamos abordar neste conteúdo os seguintes tópicos:

1 - O que é Fobia Social

2 - Sintomas

3 - Causas

4 - Consequências

5 - Formas de superar esse problema

6 - Teste a tua Fobia Social

7 - Vídeo sobre Fobia Social

8 - A importância da Autoaceitação


1. O que é Fobia Social

Antropofobia ou Fobia Social é um medo acentuado de estar, lidar e conviver com outras pessoas. A pessoa acometida pela Fobia Social manifesta grande insegurança e temeridade de interagir com outras pessoas, até com mesmo os familiares.

Alguns temores e medo da pessoa que sofre de Fobia Social, com relação aos outros, são:

- rejeição;

- humilhação;

- discriminação;

- perseguição;


- condenação;

- incompreensão, entre outros.

Vale lembrar que estes medos se baseiam nas crenças negativas que a pessoa desenvolveu, ao longo de suas experiências vividas com as outras pessoas. Crenças estas que podem ser fundamentadas em traumas ou frustrações decorrentes dessas experiências.

2. Os Sintomas da Fobia Social

Existem reações e comportamentos que sinalizam que a pessoa está desenvolvendo ou tem Fobia Social. Alguns deles são:

- Alto grau de Ansiedade ao ter que lidar com situações que envolvam outras pessoas;

- Medo de ser julgado ou constrangido pelas pessoas;
Mal-estar, inquietação e incômodo em estar com outras pessoas;

- Pânico de falar em público;

- Taquicardia, tontura e transpiração excessiva em situações em que a pessoa tenha que lidar e estar com muita gente.

Estes sintomas podem se manifestar de forma conjunta ou isolada mas, para saber, realmente, se tem relação com a Fobia Social é necessário uma avaliação mais abrangente com um psicólogo.

3. As Causas da Fobia Social

Algumas causas que podem desencadear a Fobia Social são:

- Traumas adquiridos na convivência com familiares;

- Sensibilidade emocional e sentimental acentuadas;
Problemas físicos, deficiências ou problemas de saúde;

- Temperamento inseguro e desconfiado;

- Imaturidade emocional;

- Vivência de situações de alto grau de constrangimento;

- Desilusões e frustrações muito fortes adquiridas em relacionamento mal-sucedidos;

- Medo de dizer não e de desagradar as pessoas, entre outras causas.

4. As Consequências da Fobia Social

A pessoa que sofre de Fobia Social sente-se inadequada e acaba por se isolar no convívio com outras pessoas.

Como autodefesa, ela se torna reservada, introspectiva e solitária. Tem medo das pessoas não gostarem dela e a tratarem mal.

Sente-se pequena, anormal e inferior diante dos outros, por não saber lidar e conviver com eles.

Ela resolve se fechar, estagnando o seu desenvolvimento em diversas áreas: pessoal, profissional, familiar e social.

Tem medo de se comunicar, de se abrir e de expressar suas ideias.

É insegura, tem baixa autoestima e lhe falta autoconfiança.

Sente-se frágil e vulnerável diante das situações sociais.

Tem medo de se expôr e de ser julgada, comparada, cobrada e criticada. Evita a todo custo correr o risco de passar por todas estas situações imaginadas, devido à sua vulnerabilidade.

Seus temores se convertem em crenças negativas e limitantes que acabam norteando a sua existência, atraindo aquilo que mais teme.

A Fobia Social impede a pessoa de se desenvolver e ampliar os seus horizonte, afetando várias áreas de sua vida.

Devido ao seu complexo senso de inferioridade e vergonha, a pessoa acha que os outros são sempre melhores que ela e procura de toda forma esconder isso, evitando o convívio social.

A pessoa com Fobia Social possui um alto grau de timidez e de anti-sociabilidade.

5. Formas de superar esse problema

Passos para superação da Fobia Social:

1 - Se auto-observar e autoconhecer é fundamental para o reconhecimento de nossos problemas internos.

2 - Ser honesto consigo mesmo e encarar suas sombras e problemas psicológicos.

3 - Buscar formas de lidar e de superar esse problema: pesquisar sobre o assunto, buscar meios para obter maior compreensão sobre esse problema.

4 - Pedir avaliação e buscar acompanhamento psicológico com um bom profissional da área.

5 - Transformar pensamentos negativos em pensamentos positivos. Por exemplo: "Tenho medo de ser criticado" por: "Isso nem pode acontecer", ou melhor ainda: "Posso ser elogiado" ou "As críticas não me atingirão".

6 - Se apoiar e se automotivar em situações adversas em que as pessoas te julguem ou não te compreendam, enfim, ser o seu próprio melhor amigo.

7 - Compreender que o medo domina a mente e, para se ter o controle da mente,é necessário não ficar dando força para à esta emoção.Por exemplo: Qual o problema se a pessoa não me aceitar? Eu me aceito! E, outras pessoa podem me aceitar do jeito que sou!

8 - Assumir suas limitações, sem recalçá-las, transformando os seus piores defeitos, lembrando que você tem qualidades. Valorize-as!

9 - Acreditar e enxergar seu próprio potencial.Todo ser humano tem potencial para se expandir e capacidade de superação!

10 - Descobrir e valorizar o seu dom, se dedicando ao que te faz bem!

11 - Se envolver em atividades que ajudem à se abrir, se expressar e interagir mais consigo e com os outros, tais como: teatro, música, poesia, dança, filantropia, enfim, algo que te traga prazer e satisfação!

12 - Deixar de alimentar o negativismo e o pessimismo, atraindo mais alegria em sua vida.

13 - Se aceitar como é, tanto nos aspectos bons como ruins, sem se acomodar, buscando se expandir e desenvolver, cada vez mais, sem paranoia e extremismo.

14 - Compreender que quando se tem medo do julgamento alheio, o primeiro a ser julgado deve ser você, por você mesmo!

6. Teste a tua Fobia Social

Teste psicológico para saber se você tem Fobia Social:

Este teste, que apresenta várias situações do dia a dia, que envolvem o convívio com outras pessoas, é para ajudar a detectar esse distúrbio psicológico e o seu grau de manifestação na pessoa.

É importante salientar que para fechar o diagnóstico, por completo, há a necessidade da avaliação de um psicólogo.

Clique aqui para fazer o teste .

7. Vídeo sobre Fobia Social

Assistam este vídeo do Canal Minutos Psíquicos e saibam mais sobre a Fobia Social:



8. A importância da Autoaceitação

Se você suspeita ou detectou que tem Fobia Social, não se desespere, encare isso com naturalidade.

O primeiro passo você já deu, que é reconhecer e aceitar. Para haver mudança, é necessário ocorrer a aceitação e o reconhecimento.

E com um passo, de cada vez, vai se avistando o caminho que se tem pela frente!

Aprecie cada paisagem de sua natureza e aprenda com ela, ela te surpreenderá!

Fonte: Green Me
Foto: Green Me

Foto

Notícias Relacionadas