PatoBranco.com

Quem são as paranaenses? Conheça o perfil delas

Publicado em: 08/03/2018 13:25

Hoje é o Dia Internacional da Mulher. Apesar de ser uma data comemorativa para enaltecer a população feminina, os indicadores econômicos e sociais ainda mostram que elas, apesar de ocuparem posição importante na sociedade, ainda estão atrás na questão de gênero. Um indicador que persiste e mais incomoda é a média salarial. Enquanto o homem paranaense ganha em média R$ 2.441, a mulher tem salário médio de R$ 2.206.
Além disso, um estudo divulgado ontem na Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD e PNAD Contínua) do IBGE, mostra que mulheres que trabalham dedicam 73% mais horas do que os homens aos cuidados e/ou afazeres domésticos. Em 2016, desagregando-se a população ocupada do país por sexo, as mulheres dedicavam 18,1 horas semanais aos cuidados de pessoas ou afazeres domésticos a mais de horas do que os homens (10,5 horas semanais).
Outro dado mostra a escolarização por gênero, onde elas também lideram. Tomando por base a população de 25 anos ou mais de idade com ensino superior completo em 2016, as mulheres somam 23,5%, e os homens, 20,7%. Quando se comparam os dados com homens e mulheres de cor preta ou parda, os percentuais são bastante inferiores: 7% entre os homens e 10,4% entre mulheres. O IBGE reuniu informações de três pesquisas no levantamento: Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad), Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua) e Pesquisa Nacional de Saúde (PNS).

Economia perde R$ 2 bilhões/ano com as mortes por câncer de mama

O Dia Internacional da Mulher, além de celebrar vitórias femininas, serve para lembrar que ainda há muitas dificuldades para serem superadas, como é o caso da maior atenção à saúde da população feminina. Quase 60 mil mulheres receberão o diagnóstico de câncer de mama em 2018, principal tumor que atinge as mulheres. Grande parte terá no SUS a única via para conseguir tratamento.
O câncer de mama é responsável por 14.206 óbitos anuais e, por esse motivo, a cada ano, a economia brasileira perde R$ 2 bilhões, gerando recuo da produtividade para o país. Os dados serão divulgados hoje pela Federação Brasileira de Instituições Filantrópicas de Apoio à Saúde da Mama (Femama).

As paranaenses

População de mulheres
5.313.532
47% do total

Salário médio das mulheres
R$ 2.206
10,7% menos que homens

Mulheres no emprego formal
1.364.106
45,27% do total

Mulheres docentes (superior)
14.205
46,3% do total

Mulheres na PM
1.798
10,3% do total

Mulheres na Polícia Civil
1.246
26,8% do total

Carga total de trabalho
54,5 horas
2 horas mais que homens

Frequência escolar
34,3%
5% mais que os homens

Motoristas
1,8 milhão
33% do total

Expectativa de vida
80,5 anos
6,8 a mais que os homens

Professoras (rede estadual)
56 mil
80% do total

Fonte: Bem Paraná
Foto: Levy Ferreira/SMCS

Foto

Notícias Relacionadas