PatoBranco.com

Governo diz que tomará medidas em órgãos multilaterais após EUA imporem tarifas sobre aço e alumínio

Publicado em: 09/03/2018 04:54

O governo brasileiro disse ver "com grande preocupação" a decisão do governo dos Estados Unidos de impor tarifas sobre as importações de aço e alumínio e disse que "recorrerá a todas as ações necessárias" nos âmbitos bilateral e multilateral para preservar seus interesses.

Em nota conjunta, os ministérios das Relações Exteriores e da Indústria, Comércio Exterior e Serviços afirmaram ainda que a imposição das tarifas --de 25% para importações de aço e de 10% para importações de alumínio-- são incompatíveis com as obrigações dos EUA junto à OMC (Organização Mundial do Comércio).

Vários parceiros comerciais importantes dos Estados Unidos também disseram que responderão às tarifas com ação direta.

"Se Donald Trump colocar as medidas em vigor nesta noite, temos todo o arsenal à nossa disposição para responder", afirmou o comissário europeu de Assuntos Financeiros, Pierre Moscovici.

As contramedidas incluirão tarifas europeias sobre laranjas, tabaco e bourbon dos EUA, disse ele. As motos Harley Davidson também foram mencionadas.

No momento em que Trump ameaçava com as tarifas, 11 países reuniram-se no Chile para assinar um pacto comercial Ásia-Pacífico, que Trump se retirou no primeiro dia no cargo.

Desde a campanha eleitoral, Trump tem promovido um nacionalismo econômico, prometendo trazer postos de trabalho aos Estados Unidos e salvar o país de acordos comerciais que ele considera injusto.

Fonte: Reuters
Foto: Crédito na imagem

Foto

Notícias Relacionadas