PatoBranco.com

Escola em Campo Erê, adere ao 'sussurrofone' como alternativa de incentivo à leitura

Publicado em: 18/09/2018 07:46

Com intuito de desenvolver a consciência fonológica, melhorar a pronúncia das palavras e gerar fluidez na leitura de textos, o Centro Educacional Municipal (CEM) Prefeito João Telles Padilha, adaptou uma estratégia, que vem sendo usada em escolas de todo país, e que tem dado resultado na alfabetização dos alunos do município.

O sussurrofone possui funções semelhantes a um telefone. O instrumento artesanal, de aproximadamente 10 centímetros, é feito com materiais hidráulicos - tubos retos no centro e em curvatura nas pontas. Ele permite a captação individual da voz, amplifica o som e retorna somente para quem está utilizando.

Segundo a diretora do CEM Prefeito João Telles Padilha, Marinês Vuelma Picinini, esta técnica tem gerado impactos positivos no desenvolvimento da leitura e escrita. "O método do sussurrofone tem revolucionado as aulas de leitura, melhorando significativamente a pronúncia de palavras, a concentração na leitura e a interpretação de textos", afirmou.

"A aula de leitura com o sussurrofone é uma atividade pedagógica diferente, o que a torna descontraída, toda a classe participa da atividade de leitura oral no mesmo momento e no mesmo espaço. Este instrumento possibilita que o aluno escute somente a própria voz, sem atrapalhar o colega ao lado, o que auxilia também a concentração dos mesmos", explica.

De acordo com a secretária de Educação, Paula Crestine Tonial, esse projeto experimental, inicialmente aplicado no CEM Prefeito João Telles Padilha, será a ampliado para toda a Rede Municipal de Educação em razão dos resultados terem contribuído de forma significativa no aprendizado dos alunos.

O instrumento pedagógico teve um custo aproximado de R$ 3 a unidade.

Fonte: Assessoria de Imprensa
Foto: Assessoria de Imprensa

Foto

Notícias Relacionadas